quinta-feira, 11 de setembro de 2014

19 de Março de 2012

Dia 25 dos meus 100 perfeitos.


O find que passou não foi assim tão perfeito. A verdade é que eu fiquei muitos dias naqueles dias. E quando o inchaço passou, os quilos - por algum motivo - ficaram. E isso me deixou um pouco desanimada.

Eu não enfiei o pé na jaca. Claro que não, mas não foi uma pura perfeição. Comi um pouco mais do que deveria e muito menos do que eu queria. Enfim, preciso melhorar, e fazer o que se faz na RA quando isso acontece: compensar!

E se concentrar mais, porque os proximos 75 dias tem que ser puramente uma perfeição. Então.......vamos fazer melhor!








Um dos problemas de estar gordinha é que nossa auto-estima vai pro brejo.

Eu adoro os programas de moda do Discovery Home & Health (mude meu look, esquadrão da moda, tim gunn....). E numa grande parte dos episódios as mulheres tem - por motivos variados - a auto-estima muito baixa.....e o resultado disso? Acaba vestindo a roupa do marido.


A gente fica chateada por nada no nosso guarda-roupa ficar bem, e acabamos assaltanto o guarda roupa do marido. Colocamos uma calça jeans, e uma camisa marculina dos mais variados modelos.

Quem nunca passou por isso? Eu já passei por isso!

Na minha época de 95 kgr tinha um blusão de lã do meu marido que até acabou ficando pra mim, de tanto que eu usei.

A gente acha que essas coisas acabam disfarçando tanta gordura. Mas é justamente o contrários. Independente do peso, da idade e do ânimo, o importante é ressaltar a feminilidade. Isso sim disfarça qualquer coisa. E estar bem vestida dá uma levantada na auto-estima, e fica mais fácil até emagrecer. Porque o primeiro passo para se mudar é se amar.

E você que acha que gordura e beleza não combinam.....aqui vai alguns exemplos.

Ex.1:

Ex.2:

Ex.3:

Ex.4:

Preciso confessar uma coisa: não acho que gordura traz felicidade. Eu - uma ex-gorda e uma atual gordinha - sei bem que apesar de nós termos muitas opções, as opções mais lindas são para as magrinhas.

Tá, deixa eu me explicar. Acho fundamental a busca por uma vida melhor, uma aparência melhor. Mas o caminho desta busca pode estar recheada de roupas lindas, muita maquiagem e um ótimo perfume.

Não precisamos assaltar o guarda-roupa do marido enquanto estamos acima do peso ideal. Se não estamos felizes com os nossos corpos, temos mais que mudar mesmo. Mas não é por isso que vamos andar por aí como se tivessemos em casa fazendo faxina.

Porque como diz Vinicius de Moraes: "Me desculpe as feias, mas a beleza é fundamental"









Só pra inspirar:


Nosso objetivo aqui é ficar magras e lindas. Magras já estamos lutando, mas linda, vamos ficar desde já.

Aliás, adoro essa foto da Patricia Poeta......Marailhosa. Quando eu crescer quero ficar assim!

Nenhum comentário:

Postar um comentário